Como abrir uma empresa MEI?

In Artigos by Luiza Marques0 Comments

O MEI – microempreendedor individual, é uma modalidade de empresa. Ela é destinada a empresários com faturamento até R$ 81 mil ao ano – e no máximo 1 funcionário. Com impostos simplificados e mais baratos – o empresário apenas recolhe a guia DAS (Documento de Arrecadação do Simples Nacional), no valor de R$ 50, por mês, referentes a previdência social, ICMS ou ISS.

Mas não são todas as profissões que podem ser MEI. Você pode consultar a sua, no portal do empreendedor, clicando aqui.

O MEI é um modo muito prático de regularizar a sua atividade profissional, com emissão de notas e alvará, por exemplo. Agora vamos te contar como fazer para abrir sua empresa MEI e aproveitar todas essas vantagens. 

Documentos necessários para abrir um MEI

Para abrir um MEI, você precisa fornecer apenas alguns dados básicos – é realmente simples! Tenha em mãos número de CPF, data de nascimento, título de eleitor e o recibo de sua última declaração de imposto de renda.

Passo a passo para abrir um MEI

Acessando o portal do empreendedor, você vai achar a opção de “abrir MEI”. Com os documentos, você preenche seus dados pessoais e endereço, telefone de contato e e-mail, por exemplo.

O preenchimento não demora e, ao fim disso, você terá o seu certificado CCMEI – como o da imagem abaixo.

A partir disso, você já tem um CNPJ e uma empresa! Lembre-se: você receberá cobranças da DAS a partir do próximo mês, com vencimento todo dia 20.  

Os trâmites finais: alvará e nota fiscal

Mas isso quer dizer que já está tudo certo com seu MEI? A resposta é, quase, quase lá. Ainda faltam passos importantes, que tem a ver com a liberação por parte da junta comercial do seu estado e da prefeitura do seu município, para que você possa emitir notas e ter um alvará de funcionamento da sua atividade – mesmo que ela seja de serviço, será necessário o alvará!

A dica é informar-se na prefeitura da sua cidade, pois cada localidade tem processos diferentes para esta regularização final do seu MEI.

Aqui vale ter atenção com as atividades que você escolheu lá atrás, quando cadastrou-se no portal do empreendedor. Elas devem ser as mesmas – e se não encontrá-las, procure ajuda nos órgãos do governo.


Todo este processo pode ser feito por um contador, mas atenção: empresas MEI não são obrigadas a ter um serviço de contabilidade, você pode gerenciar tudo sozinho se preferir.

 Como cobrar meus cliente sendo MEI

Com sua empresa regularizada, que tal deixar as suas cobranças mais profissionais também? Chega de pedir depósitos ou transferências para seus clientes. Que tal gerar boletos ou cobrar no cartão de crédito, gerenciando tudo isso numa plataforma intuitiva ou até mesmo via app?

Então conheça o Boleto Fácil, a melhor forma de realizar as cobranças da sua empresa. Ganhe tempo e profissionalismo e pague taxas apenas por pagamentos efetuados. Acesse e confira!

Deixe um comentário